chuva de Outono

A chuva de Outono vai finalmente aparecer

Num ano de seca extrema a chegada da chuva de Outono é sempre uma boa noticia, mesmo quando alguns estragos associados a enxurrados também possam aparecer. Esta semana vamos finalmente ter chuva que se veja em todo o território nacional.

Será em quantidade mais generosa entre Quarta-feira, dia 19 e Domingo, dia 23, mas ainda é relativamente cedo para se definirem os períodos e os locais onde ocorre chuva mais intensa.

O ar quente tem capacidade para conter mais vapor de água e dá origem a nuvens com capacidade para provocarem precipitação significativa.

Algum calor até Terça-feira

As temperaturas vão continuar elevadas até à próxima Terça-feira.

Os aguaceiros são esporádicos e dispersos, sendo mais prováveis na noite de Domingo para Segunda-feira.

O vento de Sul vai soprar com intensidade na Terça-feira, o que aliado a algum calor ainda significa um risco de incêndio elevado nas zonas onde não tiver chovido.

Na Terça-feira a chuva é provável no litoral Oeste mas nas regiões do interior o céu vai estar pouco nublado e o vento sopra com intensidade nas zonas altas.

Tenha cuidado com o fogo nas zonas onde não choveu com intensidade.

A descida acentuada das temperaturas e a chegada da chuva frequente verifica-se a partir de Quarta-feira.

Chuva de Outono a sério entre Quarta-feira e Domingo

Durante esta semana ficamos sob a influência de uma corrente de Sul e Sudoeste associada a uma depressão que se vai fixar a Noroeste da Península.

É a situação meteorológica típica que dá origem à chuva regular no Outono.

Essa corrente transporta ar muito húmido e dá origem a linhas de instabilidade que provocam chuva e aguaceiros fortes durante vários dias seguidos, mais concretamente entre Quarta-feira e Domingo.

Como de costume vai chover mais no Norte e Centro do que no Sul, mas mesmo assim ainda chove bastante no Alentejo e no Algarve.

No Norte e Centro esta chuva vai aumentar os caudais dos rios e o nível das albufeiras, sobre isso não há grandes dúvidas.

Já nas regiões do Sul o estado da seca é tal que a chuva prevista ainda não mexe muito com o nível das albufeiras, embora dê uma ajuda.

Estes benefícios têm sempre um preço a pagar:

Possíveis enxurradas em locais sensíveis, muitas vezes pondo a nu erros de construção.

Inundações citadinas onde se impermeabiliza tudo e não se fazem escoamentos com capacidade suficiente.

Com alguma sorte serão pouco significativos os estragos.

Já para a agricultura é quase tudo positivo, mas há sempre quem se queixe.

Se chover sem enxurradas, então é perfeito, mas nesta época do ano é difícil evitar um ou outro incidente.

Pode ser que a chuva se prolongue até ao fim do mês mas já com menos intensidade.

Veja mais detalhes em Previsão Geral do Tempo

Pouco frio

As temperaturas elevadas que temos tido vão descer de forma acentuada, no entanto ainda não há muito frio.

As máximas descem claramente para valores normais nesta época, entre os 15ºC e os 20 ºC.

As noites continuam amenas devido ao efeito da nebulosidade, ainda acima dos 10 ºC na maioria das localidades.

Acaba o calor mas ainda não chega o frio a sério.

Bom é que a chuva se venha a confirmar e que provoque poucos estragos.

Foto de Manuel Ferreira


Leave a Reply

Outras publicações:

meteorologia em Dezembro
tempo invernal, Serra da Estrela
Verão de S. Martinho
sol durante a semana
chuva de Outono
pouca chuva durante o mês de Outubro
Previsão Geral do Tempo
previsão geral do tempo VB Meteo

Meteorologia Portugal
.

Tempo Lisboa
tempo Lisboa VB Meteo

Meteorologia Lisboa
.

Tempo Porto
Meteorologia, Tempo Porto

Meteorologia Porto
.

La Vie Guarda
La Vie

.

Vítor Baía ©2022 Design PlataformaJota Powered by Sentido Comum